segunda-feira, 4 de outubro de 2010

Retorno. Desculpas. Saudades ♥

Minhas amigas, me desculpem! Voltei. Mas nunca deveria ter ido...

É impressionante como os eventos e pessoas são capazes de mudar o nosso foco, de mudar o rumo dos nossos planos.

Todo mundo aqui tem um plano, todo mundo aqui quer executar seu plano perfeitamente. Mas praticamente 99% das pessoas que planejam, não executam seu plano com perfeição. Por que?

Não é uma questão de culpar ou não as pessoas e os eventos. Na realidade, é uma questão muito mais profunda, a questão aqui sou eu.

Eu estava fazendo tudo certo, mas depois das férias, do meu medo de avião, da semana na casa da minha mãe/irmã , da volta às aulas... tudo está perfeitamente fora do eixo.

Eu não tenho uma explicação sensata para o que aconteceu... não sei dizer porque voltei a comer feito uma porca e já engordei o pouco que já havia emagrecido ( vejo isso pelas roupas).

Já é o terceiro mês de academia que é auto-debitado da minha conta. Me perguntem se eu tenho ido!! Não. Eu não tenho ido nos últimos dois meses, eu não tenho acordado cedo, eu não estava mais pensando antes de comer e eu estava me achando normal.

Não posso negar que, mesmo sem pensar antes de comer, a culpa vinha logo em seguida apontando para os meu braços, minhas coxas e a minha cara redonda.

É tão mais cômodo agir como se tudo estivesse bem....

Eu tenho vergonha de mim, do que eu me tornei. Eu me isolo das pessoas que amo porque acho que, no fundo, elas estão me julgando.

Ontem eu ví a minha mãe olhando para mim, para os meus braços, pra minha barriga e o olhar dela não era de apreço. Eu não posso dizer o que ela estava pensando, até porque minha mãe sofreu muito quando eu fiquei linda e maravilhosa cadavérica, mas acho que ela não queria exatamente essa realidade para mim.

O meio-termo é um privilégio para poucas!!! Admiro muito quem tem força de vontade e determinação para encontrar seu equilíbrio. Eu não tenho. Eu sou 8 ou 80. Eu sou cadavérica ou obesa e essas são minhas únicas alternativas. Está na minha natureza ser louca e desequilibrada e, já que não posso escolher o meio-termo, vou voltar para o ideal cadavérico porque pelo menos eu era feliz comprando roupas lindas.

Como vou fazer isso ? Por que não fiz isso antes? Porque para isso, vou ter que me privar do mundo, viver outra realidade, adotar uma nova filosofia.

Eu tinha medo de me entregar de vez à Ana porque tinha medo de perder meu namorado por isso. Mas refletindo minha atual realidade, isso não está longe de acontecer .

De uns tempos pra cá, a coisa mais difícil tem sido tirar a roupa de luzes acesas. Vocês acham que ele não saca isso?  Sim, ele percebe. Só que ele não fala nada porque morre de medo de eu ficar paranóica outra vez. Sem contar as crises que tenho de vez em quando. Só que ele é homem e o mundo está cheio de oportunidades melhores para ele. E eu estou aqui, parada no tempo e só "caminhando" para os lados.

Estou infeliz comigo, provavelmente ele também está. Então começo a pensar que com Ana isso não vai ser tão pior assim. A barra vai ser pesada, mas a recompensa vai ser doce e adoçada com aspartame.

Além disso tudo, eu quero sair do meu trabalho porque não aguento mais aquele lugar. E já que vou ter que me candidatar em outros lugares, todo mundo sabe o quanto aparência conta no recrutamento! Isso não é divulgado, mas tem gente que olha fotos em facebook pra ver se a mulher é gostosa.

Eu sento em uma mesa com 11 homens e é unânime entre eles que mulher bonita é sinônimo de mulher magra. Foda-se eles porque são todos escrotos e eu amo o meu namorado. Mas eu gosto de obter esse tipo de percepção deles porque esses imbecis refletem mundo. E quando eu estiver magra de estalar os ossos, ainda vai rolar um “bitching” porque é isso que eles merecem. Antes de sair de lá, vou ficar esnobe e babaca com cada um deles, sem exceção. Isso é um plano!

Então, preciso me adaptar ao novo padrão de contratação. Eu não preciso de cérebro (apesar de ter um), eu só preciso de 30 quilos a menos.

E, se tudo der certo, meu namorado e eu (magra de morrer), vamos viver felizes para sempre.

FIM.

Beijos!!! Estava com saudades de vocês, mas sem forças para vir aqui. Já aconteceu isso com vcs?

Anna HT

2 comentários:

(●• LIA •●) disse...

Olaaa minha querida!
Que saudadessssssssss!
Mas que bom que as vezes nos falarmos pelo twitter!!

Masssssss saudades de saber mais que 140caractres. É foda viver no mundo onde a magreza é o sinomimo de beleza!

Enquanto eu escrivi um post vc postava comentário no meu post onde estava triste. Ainda estou. Massssss fiz outro... e refiz meus planos. Pois mesmo não concretizando eu tenho que fazer listas, planos, traças metas e afins. Se não .... eu não funciono!

Eu também so igual a vc, ou é 08 ou 80. Não sei ser meio termo.... ficou perdida neste "meio termo"
Também admiro que tem esse equilibrio que tanto procuro. Masssssssss ainda não tenho e vou fazer o que tenho em maõs.

Por isso tracei novas metas e novos planos. Agora é somente seguir! Vamos lá né! A vida é feita disso!

Pois é amori... eu tb tenho vergonha de ficar "como vi o mundo " na frente do meu tb! E sei tb que ele percebe...masssssssss tb não fala nada para não me magoar e eu não pirar por completOOO!

Mas temos que iniciar algo né!

Beijos e não some não!

Pucca disse...

Florzinha *-*
É incrivel a forma como nos acostumamos com as coisas. Seja elas boas ou ruins.
Infelizmente somos assim, o mundo é assim. Nao há culpados. Apenas nos culpamos por que é uma forma, tambem, mais facil.
Nossas maes nao querem essa realidade, porem elas sao sabem o que fazer para mudar =/ Nem nos sabemos!
Tambem sou 8 ou 80. Mas percebe que ser a garota-cadaver nao seria a melhor opção.
Já passei por momentos horrivel junto com uma pessoa que amo por conta da Mia, foi triste amiga. Mas conseguir escolher pela vida e por ele. Emagrecer? Penso o tempo inteiro. Mas nao coloquei isso como ponto principal para minha vida. Nao faça isso com a sua!
No planeta inteiro é assim: a unica coisa importante É A BELEZA. Isso é ridiculo, mas é muito real.

Ja aconteceu muitas vezes comigo =) Sempre achei que era um E.T aushauh

Beijocas!